julho 29, 2016 -

Antônio C. Pereira

Olá amigos e amigas. Hoje nos vamos partir para o ajuste fino do deck que começamos a idealizar e criar algum tempo atrás no artigo “Base para construção de decks”. Muitas vezes perdemos um pouco da empolgação ao vermos as falhas de uma lista e partimos para outra tentativa ou em busca de uma lista pronta, claro as vezes isso é necessário, mas também pode ser uma atitude precipitada em alguns cenários. Por isso vamos a um check list para saber se existe salvação, ou se é melhor voltar à prancheta.

E se…

A primeira questão que pode fazer muita diferença é pensar nas estratégias presentes no metagame atual. Como a nossa lista vai responder a determinada ação como Garbotoxin do Garbodor. Isso nos atrapalha até que ponto? Torna o deck uma sucessão de “compro e passo”? É possível contornar de alguma forma?

 

E como ele reage a um Item lock? Esta estratégia deve continuar em alta no início da temporada 2016-2017, por isso é bom se preparar para o que virá daqui para a frente. Estes são só alguns dos pontos que devem ser considerados no momento de concepção de um deck, e que pode condená-lo prematuramente.

Como desejamos que a lista funcione é o estágio 1 do plano e como ela responderá aos desafios será o estágio 2, tentando achar um equilíbrio entre o número de cartas que vamos usar e os tipos de cartas que vamos usar, Pokémons, cartas de Treinador e energias, de forma a termos um mínimo de ação, independente do que o oponente planeja.

 

Sinergia

Difícil de explicar, mas muito fácil de se observar. Quem viu um deck Plasma em jogo no ano passado, ou um Virizion/Genesect, já sabe como é mágico quando uma carta chama a outra. Genesect-EX possui um ataque muito bom, porém, precisa de três energias (sendo duas de Grama) e Virizion-EX consegue prover essas duas energias com seu ataque e ainda causar 50 de dano, além da Habilidade que previne Condições Especias no Pokémon com Energias Básica de Grama (tornando Genescet imune a Poison, Burn, Confusion, Sleep e Paralize). Nesta temporada temos Water Box, Greninja BREAK e Trevenant BREAK como exemplos de sinergia entre cartas.

Para explicar mais detalhadamente é só observarmos o Frogadier, um Pokémon Estágio 1 que coloca mais 3 Frogadiers no Banco com apenas uma Energia de Água. Com isso, no T3, temos a possibilidade de termos 4 Greninjas em jogo. Se isso já é espetacular em um deck de evolução, ainda temos (até a rotação) a possibilidade de termos 3 Greninjas da TURBO Colisão como atacantes e 1 Greninja da XY para dar suporte com danos extras no turno. E para evitar que gastemos muitas energias para ativar as Habilidades do Greninja BREAK ou do Greninja (XY) temos o Apoiador Pescador e o Item Recuperação de Energia.

Como pudemos ver na breve descrição do deck, alguns aspectos negativos foram cobertos com poucas cartas, sempre pensando em fugir dos Itens Locks e de outros métodos de controle por parte do oponente, velocidade de evolução e energias para manter o deck gerando dano. Para chegar a este ponto, foi preciso estudo e observação das cartas presentes no formato e pensar na reação da lista sobre várias circunstancias de jogo.

Outro aspecto indireto da sinergia fica por conta de cobrir alguma falha por parte da lista, seja por lentidão ou por Fraquezas iguais em todos os Pokémons escolhidos. Groudon Primitivo-EX sempre mostrou muito potencial para o jogo por ser difícil de nocauteá-lo com um único ataque, dano de ataque muito alto e várias cartas para fazê-lo mais terrível do que já é, como Cinta de Foco para obrigar o oponente a atacar mais de uma vez para mandá-lo para a Pilha de Descartes, Política de Fraqueza para deixá-lo menos vulnerável a decks do tipo Grama, além de Korrina e outros cards. O grande problema do Groudon é o custo para ataque, três Energias de Lutador e uma Incolor, pelo menos dois turnos até conseguir isso tudo. Para dar um jeitinho nisso os jogadores começaram a usar o Wobbuffet para iniciar as partidas, com a intenção de fazer o jogo do oponente cair de ritmo e conseguindo tempo para energizar o atacante, pois, além da Habilidade de Wobbuffet que desliga as Habilidades de Pokémons que não sejam do Tipo Psíquicos, ele possui muitos PS, servindo como um ótimo escudo nos turnos iniciais.

  

Parecido mas diferente

Techs e cartas desrruptivas podem ser muito úteis em determinadas situações de jogo, isso nós vimos um pouco na adição de Zebstrika no deck de Marcha Noturno e decks que usam atacantes básicos com a clara intenção de contornar o Jolteon-EX, uma carta em alta nos últimos tempo. Nem sempre funcionou, é claro, mas isso ajudou alguns jogadores a reverter a maré em algumas partidas praticamente perdidas.

Vamos jogar de Mega Alakazam-EX? Que tal adicionar aquele Banette (Nº 32) maroto para impedir evoluções por alguns turnos no campo do oponente enquanto geramos dano com os morcegos antes de usar o M.Alakazam, os decks que dependem de evolução entrarão em colapso caso tenhamos conseguido usar o ataque Evolution Jammer e impedido a evolução dos Pokémons adversários.

As cartas techs e cartas “desrruptivas” sempre devem ser levadas em conta quando estamos refinando um deck, justamente para torná-lo menos previsível e manter o oponente com o maior número de dúvidas possíveis ao longo da partida.

Testes e Dicas

Pode parecer ser o fim do assunto aqui, pois já abordamos uma série de detalhes e aspectos do prisma que é confeccionar uma lista viável. Mas estamos longe disso, o fim do artigo é só um passo a menos para os jogadores que querem estar entre os tops em competições.

Após passarmos por tudo isso vem as primeiras provas, os play-tests, partidas contra tudo e todos para refinar a lista o máximo possível, e para isso não pense em dezenas de partidas, pense em centenas de partidas, muitas delas desfavoráveis, outras muito lentas, e as impossíveis de serem resolvidas com a lista inicial. Pode ser desestimulante as derrotas, mas aprendemos mais com elas do que com as vitórias, que escondem as falhas de nossas listas e estratégias, por isso, treine muito para ter certeza do que você queria no início do projeto foi atingido agora na metade dele. Jogue contra seus amigos e contra pessoas que você ainda não viu como elas jogam, contra pessoas experientes e pessoas novatas também (que podem ter muito potencial apesar da pouca prática), sempre anotando e os problemas e buscando as soluções possíveis.

Temos que levar em conta também o nosso próprio estilo de jogo, alguns se sentem mais confortáveis com decks Speed, com rapidez e danos altos, outros com decks mais lentos ou de Locks, isso também é importante na hora de juntar as peças para usar uma lista. Uma boa reflexão sobre o nosso jeito de ser pode dizer muito sobre a forma mais confortável para jogar TCG, e as vezes testar outras formas de jogo para aprimorar nossas próprias habilidades quando for possível.

Além de tudo isso, ainda tenho duas advertências a fazer sobre o jogo em geral. A primeira é que nunca devemos ignorar uma carta durante as fases primárias de construção de lista, ela pode não parecer útil agora, mas pode fazer uma grande diferença ao longo dos testes e mantenha-se com a mente aberta para as críticas positivas (aquelas que acrescentam algo), atento às cartas disponíveis no formato em que você está jogando. A segunda é que você deve estudar o metagame sempre, seja para usá-lo a seu favor, ou para contorná-lo. Ler sobre o assunto e acompanhar os torneios é de grande ajuda neste campo, pois lhe permitirá ver os dois lados da moeda, aqueles que estão jogando com o meta e os que estão jogando contra o metagame.

Renovo meus votos de que este texto seja útil para os iniciantes nesta jornada gratificante, mas árdua, no mundo do Pokémon TCG. Paciência e persistência estão no topo da lista dos jogadores mais experientes, saber entender as críticas e estar aberto a reformulações regulares da forma de pensar, e, sempre que possível, tirar as suas dúvidas com os jogadores mais entendidos do assunto, assim, é possível aumentar a aprendizagem e até conseguir alguns macetes para facilitar a caminhada. No mais é isso. Boa jogatina a todos e nos esbarramos por aí.

pokemon_cards_by_soph_art_lover-d6lwczn

Referências:

Pokémon Company: http://www.pokemon.com/us/strategy/build-a-pokemon-tcg-deck/

Reddit/PokémonTCG: https://www.reddit.com/r/pkmntcg/comments/3luexw/pokemon_deck_building_a_complete_guide/