outubro 22, 2019 -

Salve, galera! Hoje venho mais uma vez aqui conversar com vocês sobre o competitivo de Pokémon, porém trazendo uma questão muito determinante na hora de se aventurar pelas mesas dos torneios por ai: o orçamento / investimento em um deck.

Infelizmente, muitas vezes os valores de algumas cartas ou baralhos acabam sendo impeditivos para algumas pessoas, principalmente em um momento como o que estamos vivendo agora, em que temos a grande maioria dos decks recheados de Pokémon-GX. Eu participo de diversas comunidades de Pokémon e é comum encontrar jogadores pensando que não podem competir em alto nível se não realizarem um investimento extremamente alto. Com isso em mente, hoje trago aos holofotes um deck que se destacou recentemente no regional de Cologne, na Alemanha, e, com apenas 1 Pokémon-GX no deck, alcançou o Top 16 da competição que contou com quase 800 jogadores.

 

Back to Baby Blowns! Bom, bonito e barato!

Quando surgiu na coleção Sol & Lua 10 – Elos Inquebráveis, o card Blacephalon despertou opiniões muito opostas. Alguns acreditavam que o deck precisava de muitos recursos para funcionar, outros acreditavam que era a resposta perfeita para um metagame cheio de Pokémon-GX, principalmente os Aliados. Conforme o formato pré rotação foi evoluindo, o deck foi se consolidando aos poucos e chegou e ter ótimos resultados em diversos torneios nacionais e internacionais, porém, após a rotação e queda de cards como Bola Ninho, que se acreditava ser fundamental para o setup, o deck acabou sendo deixado de lado, até seu ressurgimento neste Regional e, após isso, algumas outras versões modificadas também tiveram um desempenho excelente em torneios mais recentes. Vamos então à lista?

 

Pokémon – 7

4 Blacephalon UNB 32

1 Blacephalon-GX LOT 52

1 Victini {*} DRM 7

1 Pheromosa FLI 11

 

Cartas de Treinador – 37

1 Fábrica de Calor {*} LOT 178

3 Sílex-de-fogo DRM 60

1 Pal Pad UPR 132

1 Valentia do Brock EVO 107

4 Soldadora UNB 189

1 Carimbo de Recomposição UNM 206

4 Pokégear 3.0 UNB 233

4 Cristal de Fogo UNB 173

4 Desbravamento da Green UNB 175

4 Pegador Personalizado LOT 171

4 Ultraespaço FLI 115

2 Portal de Criatura FLI 102

4 Bicicleta Acro CES 123

 

Energia – 16

1 Energia para Criaturas {*} FLI 117

15 Energia de Fogo

 

Para quem acompanha o competitivo há algum tempo, é possível notar que a estrutura é a mesma e o objetivo também: causar grandes nocautes com o ataque Bola de Fogo Circense e, com 6 energias na mão destruir qualquer Aliado que estiver em sua frente, com a vantagem de permanecer à frente nos prêmios mesmo que você comece perdendo, pois seus Pokémon, com exceção do Blacephalon-GX, fornecem apenas um prêmio quando nocauteados.

 

Por que é/ continua sendo bom?

Primeiramente por abusar da mecânica de Soldadora, visto que esta é a “engine” mais eficiente no momento no Pokémon TCG. Além disso, como dito anteriormente, na guerra de prêmios, este deck geralmente está em vantagem.

 

Algumas explicações extras: A função da Pheromosa é a de recuo grátis, caso você não consiga um nocaute em algum determinado turno. Ela é um verdadeiro pivô.

O estádio Ultraespaço garante a vinda dos Blacephalon e da própria Pheromosa, compensando um pouco a perda do card Bola de Ninho mencionado anteriormente.

Blacephalon-GX está no deck mais pelo seu ataque GX do que qualquer outra coisa, embora também seja um atacante excelente com seus 3 possíveis ataques.

Victini pode garantir um grande K.O de fim de jogo quando seus recursos já estiverem esgotados. Basta uma Soldadora e muitas energias na pilha de descarte para que o comeback seja realizado. Além disso, ele recupera seu deck retornando as energias, o que pode ser combustível para o Blacephalon em turnos seguintes.

Apesar de não ter partidas tão favoráveis contra decks de 1 prêmio, em testes consegui muitas vitórias contra decks como Malamar, pois o deck de Blacephalon é consideravelmente mais consistente em minha opinião.

Há, porém, de se fazer uma observação. Deve-se tomar certo cuidado com Carimbos de Recomposição durante o jogo inteiro, então, se houver a possibilidade de preservar recursos de busca no deck, pilha de descarte e compra (Soldadora, Cristais de Fogo, Sílex, Green e Pokegear), economize-os. Busque nocautes chave, claro, mas não esqueça de pensar no endgame também, já que não adianta nada comprar 4 ou 5 prêmios e não vencer a partida.

 

Considerações Finais

Simples e relativamente barato quando comparado a outros decks do metagame, o deck de Baby Blowns é extremamente amigável a novos jogadores e representa uma excelente opção para quem quer competir em alto nível e não dispõe de um orçamento tão generoso para investir.

Vou ficando por aqui. Espero que tenham gostado de mais esta dica. Nosso primeiro quarter está chegando ao fim e logo teremos nova coleção chegando cheia de novidades. Um grande abraço a todos e até a próxima!

Tag: , , ,